Movimento Twitterário #8

twitter-bird-cage

@Jureminha89

Por @amatos30

– Não se mexe.

Eram 4 da tarde quando Jurema sentiu o cano gelado do revólver 38 do bandido entre a penúltima e a última costela.

– Abre a porta e entra sorrindo, como se fôssemos amigos – disse o bandido, bem vestido e sem aspecto ameaçador.

Obediente, Jurema entrou no seu prédio, no número 3422 da Avenida Nossa Senhora de Copacabana. No elevador, suas pernas tremiam. Chegaram a seu apartamento, o 1506. Ninguém em casa, Jurema morava sozinha.

– Fecha a cortina.
– Claro.
– Onde fica o cofre?
– Não tem cofre. Guardo o dinheiro naquela gaveta.
– Então vai lá e pega. Mas sem gracinhas, viu?
– Olha, eu quero colaborar.
– Quer? Então diz aí, cadê as jóias?
– Não tenho jóias.
– Olha…
– Juro…

Subitamente, um rascante som de sirene irrompeu o ambiente, quebrando o silêncio, mas não a tensão. Na rua, três carros de polícia com policiais fortemente armados posicionaram-se em frente ao edifício. Ao lado deles, cinco carros da Imprensa, nacional e internacional. O drama de Jurema estava na TV. E o mundo passou a mirar aquela fresta de janela no 15º andar de um prédio até então qualquer.

Poucos minutos depois, para alvoroço geral, Jurema apareceu na janela. Trazia o seguinte cartaz, escrito em letras de forma: “ELE VAI SE COMUNICAR ATRAVÉS DO MEU TWITTER”. Em seguida outro cartaz dizia “SIGAM @JUREMINHA89”. Em minutos, o Twitter @jureminha89 era o mais seguido da internet em todo o mundo, atingindo 4.342.653.230 seguidores. Todos apreensivos pela primeira mensagem. E ela veio, traduzida pelo @translatingjurema, prontamente criado por um professor de português e inglês.

@jureminha89: Quero um carro blindado com um motorista.

Em seguida, milhões de RTs. Milhares de replies. Três foram os posts mais retwittados.

@marciopereira: @jureminha89: Blindado? Meu tio tem uma loja de blindagens. Telefone 2032-3213. Faz em 2 dias.

@albertopinto @jureminha89: Com esse trânsito, tomara que a blindagem seja boa, porque a polícia vai atirar de perto.

@pedromancini @jureminha89: Pede um helicóptero, burro.

A polícia rapidamente cadastrou-se no Twitter com o nome de @PMilitar e usou a foto do Capitão Nascimento como avatar. @PMilitar logo passou a seguir @jureminha89, mas não sem pedir para que a mesma a seguisse. Assim que ela obedeceu, @PMilitar enviou uma DM para o facínora:

@PMilitar d @jureminha89 Calma. Está tudo bem aí?

@jureminha89 A polícia me mandou isso por DM: “Calma. Está tudo bem aí?”

@jureminha89 Tudo bem é o caralho! Meu blindado com motorista. Ou o próximo post da jurema será póstumo.

A polícia, vendo que seus DMs seriam publicados pelo bandido, passou a twittar publicamente.

@PMilitar Precisamos de uma prova de que a moça está bem.

@jureminha89
Cliquem nesse link, seus merdas: http://twitpic.com/p3jka

Um link do Twitpic mostrava Jurema tranquila, com um sorriso para a câmera. Alívio geral. Deboche também.

@julinho Gostosa essa @jureminha89, hein.  Morre fácil.

@chico_xavier @jureminha89 Fica tranquila, menina, se você morrer pode se comunicar com a família através de mim.

@brunoXC @jureminha89 #freejurema.

Percebendo a proporção que o fato tomou, o assaltante disparou o seguinte post.

@jureminha89 Se o tag #freejurema não entrar nos Trending Topics em 1 hora, a moça morre.

Esse post foi o suficiente para que, em 10 minutos, #freejurema liderasse os Trending Topics do Twitter.

@jureminha89 @PMilitar Viu, seus babacas. Eles e eu queremos libertar a moça, mas sem o carro e o motorista, nada feito.

@PMilitar Se entrega, prometemos não agredir você.

Segundos depois, pra surpresa geral, o seguinte post:

@jureminha89 Agora quem tá escrevendo é a Jurema. Pai, mãe, eu amo vocês. Por favor entreguem o carro.

Uma equipe da Rede Globo na casa dos pais de Jurema, mostrou ao vivo a reação da família. A mãe se benzeu, o pai apertou o terço com força. Dois tios se abraçaram. Segundos depois, o perfil @familiadajurema publicou uma foto com  a família toda segurando uma placa, na qual se lia“ Juju, te amamos”.

@jureminha89 Sou eu de novo, o bandido. Cadê meu carro?

@PMilitar Está a caminho…

Nessa altura, tanto a twittosfera quanto toda a mídia tradicional de todo o mundo só falava do caso Jurema. O planeta parou para acompanhar o sequestro. Orações em diversas línguas, para diversos deuses, foram postadas no Twitter.

Passou-se uma hora sem comunicação alguma entre ambas as partes. Nem @jureminha89, nem @PMilitar twittavam. Até que Jurema twittou.

@jurema Gente! O bandido fugiu pelo terraço. Mas me obrigou a esperar 10 minutos antes de divulgar. Estou LIVRE!!!!!!!

Segundos depois, a polícia invadiu o apartamento. Com lágrimas nos olhos, Jurema abraçou um policial. Um único pensamento assaltava sua mente: “Como é fácil conseguir bilhões de seguidores com uma pequena mentira”.

6 Responses So Far... Leave a Reply:

  1. Marcelo disse:

    previsivel… porém um pouco engraçado.

  2. Andy disse:

    Simplesmente Genial!

  3. João Carlos disse:

    simplesmente perfeito!

  4. [...] 1) O melhor texto sobre Twitter de todos os tempos! [...]

  5. [...] By ramoncampelo Ví no http://www.mcorporation.com.br. Texto muito bacana sobre a dimensão do [...]